Prevenção da gripe na gravidez e no puerpério

Além da imunização, é muito importante proteger a saúde integral da mulher durante e depois da gravidez.

Além da vacina, é importante que as grávidas e as mulheres que estão no pós-parto sigam uma série de conselhos relacionados com o cuidado dos recém-nascidos. As principais recomendações dos médicos são as seguintes:

  • Em caso de haver maior circulação e contágio do vírus da gripe, as grávidas devem continuar com seu controle da gravidez tentando não ir a hospitais, mas em centros de atenção primários para evitar o contato com locais onde o vírus circula.
  • As mãos devem ser lavadas regularmente após tocar objetos que poderiam estar contaminados, como maçanetas, corrimãos e etc. Além disso, devem ser lavadas no momento em que chegam a casa, para evitar a contaminação no lar.
  • Diante de casos de febre e ainda mais diante da presença de sintomas respiratórios, o obstetra deve ser consultado. O paracetamol é o medicamento ideal durante a gestação.
  • A mãe que possua sintomas ou diagnóstico de gripe não deve interromper a lactância, mas deve lavar as mãos antes de tocar o bebê, amamentando com tapa bocas e evitar o contato direto com o recém-nascido.
  • Se o bebê é quem tem gripe, a mãe deve continuar com a amamentação, porque o leite materno é uma fonte única de defesas para o pequeno.
  • Lavar com frequência as mãos do bebê e todos os elementos que ele leve regularmente a boca, como chupetas, brinquedos e mordedores.
  • Em caso de ter irmãos, deve-se evitar que toquem elementos do bebê para evitar a transmissão do vírus.

Você por estar interessado

Prurido (comichão)

A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

Prurido (comichão)



A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

O prurido na pele é comum na gravidez. Sua pele está mais seca e geralmente pode causar a coceira. Pode ocorrer em qualquer parte do corpo, mas especialmente na pele do abdômen e principalmente nas estrias que parecem progredir na gravidez. Você também pode ter prurido ao redor dos tornozelos que está ligada as alterações nas veias das pernas. De qualquer forma, é um prurido leve que não a deixar acordar na noite e raramente deixa marcas de se ter coçado.

O prurido cede com a aplicação de loções hidratantes, mas você deve consultar com seu médico ou dermatologista para saber o que você não pode usar.

Em outros casos, o prurido pode ser devido a infestações parasitárias, tais como escabiosis (sarna), doenças hepáticas como cirrose biliar primária ou colestase gravídica, doença renal, tireoidea ou cutânea. Em geral, nestes casos, o prurido pode ser muito intenso, especialmente nas palmas e nas plantas do pé, chegando a acordá-la na noite ou não a deixar dormir. Isso também causa uma comichão tão intensa que deixa marcas. Com qualquer uma dessas últimas características, é importante consultar com o médico.

Você por estar interessado