Semana 02: Ovulação

Saber quando acontece a ovulação na mulher é importante para aqueles casais que querem engravidar. Mesmo a maioria não detectando este ciclo, há sintomas naturais e testes que ajudam a calcular os dias férteis.

O ciclo da ovulação


O óvulo liberado na ovulação viaja pela trompa de Falópio até o útero e os espermatozoides fazem a contracorrente, até os óvulos. Isto ocorre na metade do ciclo menstrual, próximo aos 14 dias (do ciclo normal de 28). Esse encontro dá lugar à fertilização. A ovulação de produz uns catorze ou quinze dias antes da próxima menstruação.

Ovulação e fertilidade


Saber quando a ovulação acontece é importante para aqueles casais que querem engravidar. Porém, manter relações sexuais antes da ovulação também é importante, já que os espermatozoides demoram algum tempo para chegar ao óvulo, que tem vida média de 24 horas, enquanto a dos espermatozoides varia de 24 a 48 horas.

A fertilização, que geralmente ocorre entre 12 e 48 horas da ovulação, é o momento que se define o sexo de seu bebê; este processo depende se o espermatozoide que alcança o óvulo carrega carga genética masculina ou feminina.

Muitas mulheres tentam conhecer a data exata da ovulação para poder manejar melhor a situação. É possível conhecer este momento por meio de vários métodos de confiança variável. Alguns deles são:

• A mudança do muco vaginal, que se torna parecido com a clara do ovo, menos espesso ao tato do que o habitual.
• A temperatura corporal, que aumenta com a ovulação.
• Os testes caseiros de ovulação que permitem conhecer o momento desta.

Você por estar interessado

Prurido (comichão)

A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

Prurido (comichão)



A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

O prurido na pele é comum na gravidez. Sua pele está mais seca e geralmente pode causar a coceira. Pode ocorrer em qualquer parte do corpo, mas especialmente na pele do abdômen e principalmente nas estrias que parecem progredir na gravidez. Você também pode ter prurido ao redor dos tornozelos que está ligada as alterações nas veias das pernas. De qualquer forma, é um prurido leve que não a deixar acordar na noite e raramente deixa marcas de se ter coçado.

O prurido cede com a aplicação de loções hidratantes, mas você deve consultar com seu médico ou dermatologista para saber o que você não pode usar.

Em outros casos, o prurido pode ser devido a infestações parasitárias, tais como escabiosis (sarna), doenças hepáticas como cirrose biliar primária ou colestase gravídica, doença renal, tireoidea ou cutânea. Em geral, nestes casos, o prurido pode ser muito intenso, especialmente nas palmas e nas plantas do pé, chegando a acordá-la na noite ou não a deixar dormir. Isso também causa uma comichão tão intensa que deixa marcas. Com qualquer uma dessas últimas características, é importante consultar com o médico.

Você por estar interessado