Semana 13: O segundo trimestre

Há em geral um ânimo mais positivo, provavelmente devido à diminuição dos mal-estares do primeiro trimestre de gravidez.

O segundo trimestre te traz um pouco de alívio e um encontro com a realidade. A consciência da gravidez aumenta neste período e se começa a pensar no futuro do seu filho, atribuindo qualidades, características, etc. O pai se sente mais integrado ao vínculo especial que une você a sua gravidez.

Seu corpo


  • Ao continuar o aumento de peso, há também o cansaço físico, o que te levará a descansar mais. No entanto, não é bom abandonar a atividade física, a menos que você tenha sido indicada pelo obstetra.
  • Nesta etapa você com certeza começará a utilizar roupas para gestantes, já que suas roupas vão ficando cada vez menores.
  • Mesmo que os incômodos do primeiro trimestre comecem a desaparecer, aparecerão outros como dores nas costas, nas pernas, constipação, cólicas abdominais, azia, etc.
  • Seu útero gestante mede aproximadamente 10 centímetros.
  • Também pode começar a reconhecer uma linha escura, denominada linha negra, que vai desde o seu umbigo até o púbis. Esta não tem significação clínica e desaparecerá depois do parto.
  • É importante que a ingestão de proteína seja alta, você necessita de pelo menos 100 gramas por dia.

Seu bebê


  • No começo do segundo trimestre, seu bebê já tem formadas as cordas vocais e também a laringe.
  • Os intestinos se encontram enrolados e contidos dentro de sua cavidade abdominal, enquanto seu fígado já secreta bílis e o pâncreas, insulina.
  • Seus dedos já estão completamente formados e suas unhas crescem de modo acelerado.
  • O tamanho do pequeno é de aproximadamente 7 a 8 centímetros de comprimento, e ele ensaia movimentos cada vez mais complexos.


Tentamos informar da forma mais precisa possível, mas tendo em conta que as taxas de crescimento e desenvolvimento da gestação são ocasionalmente diferentes para cada mulher, recomendamos que leia a semana exata de sua gravidez, também a semana antes e a semana depois. Em caso de dúvida, não hesite em contatar seu médico.

Você por estar interessado

Prurido (comichão)

A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

Prurido (comichão)



A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

O prurido na pele é comum na gravidez. Sua pele está mais seca e geralmente pode causar a coceira. Pode ocorrer em qualquer parte do corpo, mas especialmente na pele do abdômen e principalmente nas estrias que parecem progredir na gravidez. Você também pode ter prurido ao redor dos tornozelos que está ligada as alterações nas veias das pernas. De qualquer forma, é um prurido leve que não a deixar acordar na noite e raramente deixa marcas de se ter coçado.

O prurido cede com a aplicação de loções hidratantes, mas você deve consultar com seu médico ou dermatologista para saber o que você não pode usar.

Em outros casos, o prurido pode ser devido a infestações parasitárias, tais como escabiosis (sarna), doenças hepáticas como cirrose biliar primária ou colestase gravídica, doença renal, tireoidea ou cutânea. Em geral, nestes casos, o prurido pode ser muito intenso, especialmente nas palmas e nas plantas do pé, chegando a acordá-la na noite ou não a deixar dormir. Isso também causa uma comichão tão intensa que deixa marcas. Com qualquer uma dessas últimas características, é importante consultar com o médico.

Você por estar interessado