Semana 28: Sete meses

No terceiro trimestre, os incômodos causados pelo peso extra crescem. O conselho é pensar que tudo o que você está sentindo é parte dos preparativos para o encontro com o seu bebê.

Algumas grávidas preferem lembrar-se dos mal-estares do primeiro trimestre para se sentirem confortadas. Tente descansar o máximo que puder, alimentar-se bem e continue frequentando as aulas do curso pré-parto tirando o maior proveito possível delas.

Seu corpo

  • Seu útero está 6 ou 7 cm. acima do umbigo.
  • Seu provável mau humor é causado por hormônios (estrógeno e progesterona).
  • Você tem sensações desagradáveis causadas pelo alongamento dos seus músculos abdominais.
  • As contrações de Braxton Hicks agora são uma realidade de todos os dias e isso é um sinal de que tudo está como deveria. Lembre-se que isso é só uma preparação para as contrações do trabalho de parto.
  • Por outro lado, tente não permanecer em pé por muito tempo e durma o máximo que puder com as pernas sob uma almofada alta. É possível que suas pernas comecem a congestionar.

Seu bebê

  • Seu pequeno mede aproximadamente 33 cm e pesa por volta de 1300 gramas.
  • Alguns fetos começam a chupar seus polegares ainda dentro da barriga.
    • Durante essa semana, o cérebro do seu filho ganha uma aparência enrugada, devido ao seu rápido crescimento.
  • Essas rugas chamam-se circunvolução, elas são nomais e aumentam a área do cérebro do bebê.
  • A maior parte do lanugo desapareceu e pode ser que seu bebê já tenha cabelo.
  • Seu coração bate umas 140 vezes por minuto.
  • Seus períodos de vigília são mais prolongados e ele está respondendo aos estímulos externos com movimentos mais contundentes.

Tentamos informar da forma mais precisa possível, mas tendo em conta que as taxas de crescimento e desenvolvimento da gestação são ocasionalmente diferentes para cada mulher, recomendamos que leia a semana exata de sua gravidez, também a semana antes e a semana depois. Em caso de dúvida, não hesite em contatar seu médico.

Prurido (comichão)

A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

Prurido (comichão)



A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

O prurido na pele é comum na gravidez. Sua pele está mais seca e geralmente pode causar a coceira. Pode ocorrer em qualquer parte do corpo, mas especialmente na pele do abdômen e principalmente nas estrias que parecem progredir na gravidez. Você também pode ter prurido ao redor dos tornozelos que está ligada as alterações nas veias das pernas. De qualquer forma, é um prurido leve que não a deixar acordar na noite e raramente deixa marcas de se ter coçado.

O prurido cede com a aplicação de loções hidratantes, mas você deve consultar com seu médico ou dermatologista para saber o que você não pode usar.

Em outros casos, o prurido pode ser devido a infestações parasitárias, tais como escabiosis (sarna), doenças hepáticas como cirrose biliar primária ou colestase gravídica, doença renal, tireoidea ou cutânea. Em geral, nestes casos, o prurido pode ser muito intenso, especialmente nas palmas e nas plantas do pé, chegando a acordá-la na noite ou não a deixar dormir. Isso também causa uma comichão tão intensa que deixa marcas. Com qualquer uma dessas últimas características, é importante consultar com o médico.

Você por estar interessado