Hemorroidas na gravidez

Você sente dores ao sentar ou quando vai ao banheiro? Possivelmente esteja sofrendo de hemorroidas, uma doença muito frequente em grávidas, especialmente após o segundo trimestre

As hemorróidas consistem em uma dilatação das veias localizadas na zona anal. A situação pode ser agravada na gestação em caso de mulheres com antecedentes.

O modo com é produzida é similar ao das varizes em outras partes do corpo. O crescimento do bebê em sua barriga pode comprimir a zona do reto, dificultando que o sangue desta região volte ao coração. Desta forma, o sangue retido provoca uma dilatação das veias, produzindo, então, a doença. Quando saem do reto, você notará uma elevação suave, de tamanho variável, porém, similar a uma uva. Também pode sentir coceira e um leve sangramento.

Em geral, as hemerroidas desaparecem sozinhas, porém, algumas medidas podem ser tomadas para dimunuir as dores, como utilizar um papel higiênico suave e sem perfume, tomar banhos de assento com água morna, ou utilizar cremes específicos para o tratamento, que não efetem o seu bebê.

Para preveni-las, é importante evitar a constipação. Para isso, te recomendamos incluir em sua dieta bastante água e fibras, realizar atividades físicas aeróbicas e exercícios de Kegel, e evitar permanecer muito tempo sentada ou de pé.

Em alguns poucos casos, as hemorroidas podem desenvolver complicações maiores, como a trombose venosa. Se a dor ou a inflamação forem muito grandes, consulte seu médico.

Você por estar interessado

Prurido (comichão)

A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

Prurido (comichão)



A barriga coça? Novamente, a alteração hormonal produzida durante a gravidez é a culpável. É normal que isso aconteça, mas é sempre melhor verificar com seu médico.

O prurido na pele é comum na gravidez. Sua pele está mais seca e geralmente pode causar a coceira. Pode ocorrer em qualquer parte do corpo, mas especialmente na pele do abdômen e principalmente nas estrias que parecem progredir na gravidez. Você também pode ter prurido ao redor dos tornozelos que está ligada as alterações nas veias das pernas. De qualquer forma, é um prurido leve que não a deixar acordar na noite e raramente deixa marcas de se ter coçado.

O prurido cede com a aplicação de loções hidratantes, mas você deve consultar com seu médico ou dermatologista para saber o que você não pode usar.

Em outros casos, o prurido pode ser devido a infestações parasitárias, tais como escabiosis (sarna), doenças hepáticas como cirrose biliar primária ou colestase gravídica, doença renal, tireoidea ou cutânea. Em geral, nestes casos, o prurido pode ser muito intenso, especialmente nas palmas e nas plantas do pé, chegando a acordá-la na noite ou não a deixar dormir. Isso também causa uma comichão tão intensa que deixa marcas. Com qualquer uma dessas últimas características, é importante consultar com o médico.

Você por estar interessado