Insônia e cansaço durante o pós-parto

Quando o bebê está em casa, os seus momentos de descanso dependem do sono dele. Inclusive, é comum que não consiga dormir mesmo quando existe a oportunidade. Felizmente, isto se trata de uma fase que conseguirá superar seguindo alguns simples conselhos.

É difícil dormir sem acordar a todo instante quando há um bebê recém-nascido na casa, principalmente, se você amamenta. Porém, seguindo alguns práticos conselhos, as horas de descanso serão mais efetivas.

  • Descansar nem sempre implica em dormir: se o seu bebê está dormindo, mas você não tem sono, pode aproveitar este momento para fazer algo que gosta. Ler, escutar música ou fazer exercícios suaves pode ser relaxante. Tente manter uma respiração lenta durante alguns minutos para repor as energias e relaxar.
  • Boa alimentação: o cansaço costuma agitar os nervos; por isso, ajude a si própria com uma boa dieta, evitando as comidas pesadas, os refrigerantes e o café. Tente infusões alternativas de tília ou valeriana. Também não se esqueça que este não é o momento para fazer dietas no intuito de perder peso.
  • Passeie com o seu bebê: se o seu pediatra permitir, e não estiver fazer muito frio ou calor, leve o seu bebê para dar uma volta de carrinho pelo bairro. Caminha é um exercício que ajuda a recuperar a energia.
  • Apoio familiar: pode aproveitar os fins de semana para conseguir um descanso mais completo. Divida os cuidados do seu bebê com o seu marido, pais... Trocar a fralda ou dar a mamadeira pode ser uma grande ajuda para diminuir o cansaço que acumula durante a semana. Além do mais, é importante que a família esteja atenta para notar qualquer sintoma de depressão pós-parto, típico deste período.

Você por estar interessado

Sintomas de que o parto está próximo

O sinal que melhor indica o momento do parto é o começo das contrações. No entanto, existem alguns outros sintomas que podem alertar sua aproximação.

Sensação de que o bebê está mais para baixo: ao preparar-se para o canal do parto, o bebê desce e pressiona o púbis. Isto pode ocorrer semanas ou momentos antes do parto.

Aumento das secreções vaginais: pode ser transparente, rosado ou com rastros de sangue. É a perda do tampão mucoso, que pode ocorrer alguns dias ou horas antes do parto.

Rompimento da bolsa: é a descarga do fluxo aquoso da vagina, um líquido quente que corre pelas genitais. Isto pode ocorrer várias horas antes das dores do parto.

Quando ligar para o seu obstetra?



  • Sempre que a bolsa de água romper, inclusive se você não tiver dores, nem contrações.
  • Se o bebê parou de se mexer na barriga.
  • Se houver hemorragia vaginal distinta das secreções com rastros de sangue.


Se você não tiver nenhum destes sintomas, o método para identificar o momento de ligar para o seu médico é calcular o tempo entre uma contração e outra. Também se as contrações são intensas e regulares, se o intervalo entre uma e outra vai diminuindo e se movimentar ou mudar de posição não aliviar a dor. Mas fique tranquila, há tempo: do trabalho de parto até o nascimento podem passar de 8 a 12 horas.

Você por estar interessado